Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

La Principessa

lifestyle blog por sofia

Sex | 01.09.17

Joana, vamos tomar um chá?

Sofia Silva

Joana, vamos tomar um chá?

 

A minha convidada de hoje chama-se Joana e é a blogger que assina Marrocos e o destino, conhecem o blog?

 

Gostei muito do convite, embora me deixe nervosa. Sim, é uma grande responsabilidade escrever algo que não afaste os teus seguidores.
Quanto ao chá pode ser um simples cá de limão. Gosto do sabor e especialmente do cheiro.
Sei que gostas de moda, coisa que também gosto. Confesso que já usei coisas que não gostava. Usava-as apenas porque era moda. Com a idade deixei-me disso e só visto aquilo com que me sinto bem.
Por vezes penso "Mas o que é estar na moda?", "Quem dita a moda?". Já vi alguns programas de TV em que criticam roupas usadas por certas pessoas e pergunto-me "Mas com que direito têm as pessoas de criticar o que veste cada um?"
Agora que estamos a falar de moda lembrei-me de um episódio que me aconteceu há uns anos e que poderia perfeitamente virar "moda". 
Se bem que ao recorda-lo ainda sinto calor a subir cara acima.
Saí com o meu marido para um local que não costumava-mos frequentar e ali estivemos umas 3 horitas. Recordo-me de temos ficado sentados numa mesa que era encostada à parede. Infelizmente eu escolhi ficar na ponta oposta à parede (já vais perceber o porquê de dizer infelizmente). Tenho a mania de cruzar de descruzar as pernas vezes sem conta. E como se não bastasse ainda tenho a mania de ficar a abanar o pé. Portanto dá para imaginar que os meus pés estiveram sempre bem visíveis.
Já em casa, descalço a primeira bota e atiro-a para dentro do armário, descalço a segunda e ao mesmo tempo que a atiro lá para dentro tenho a certeza que aquela não era igual à outra. Agarrando nas 2 verifico que uma era de pele, bem bicuda e com salto fininho. A outra de camurça, redonda à frente e com salto bem mais grosso.
Perguntas-me como caminhei do carro para o bar e como estive 3 horas a mexer os pés sem dar por nada?
Ainda hoje me faço essa pergunta e a única resposta que encontro é que foi azar. Sim, ambas eram confortáveis e apesar da grossura do salto ser tão diferente a altura era exactamente a mesma e por esse motivo não dei por nada.
Como deves calcular nunca mais lá entrei, tal é a vergonha.
Obrigado pelo chá e por me fazeres recordar este caricato episódio, que apesar de ainda me envergonhar me deixa a rir.
(Espero que os teus leitores não achem que eu deva de ser internada)
 
Joana, fica descansada que nós não achamos nada disso
O que acharam deste chazinho? A mim soube-me muitooo bem!

 

Acompanhem as novidades no Facebook e no Instagram

7 comentários

Comentar post